Os Reguladores De Pressão Podem Melhorar A Eficiência De Irrigação Do Pivô

Data: 
Quarta, 18 Agosto, 2021

Os reguladores de pressão garantem que o sistema de irrigação do pivô funcione da maneira como foi projetado. Eles ajudam também a impedir o desperdício de água, um fator de vital importância nos ambientes submetidos ao estresse hídrico da atualidade.

A pressão correta da água é fundamental para alcançar a uniformidade de distribuição ideal e a vazão adequada através dos emissores ao longo da linha de pivôs. As plantações precisam da quantidade certa de água no momento certo, e os reguladores de pressão ajudam a garantir isso.

Os aspersores são fabricados para operar dentro de uma faixa específica de vazão e pressão. Nestas condições, eles mantêm o padrão de distribuição, o raio de projeção e o tamanho das gotas. Se eles operarem fora destes parâmetros, os padrões de distribuição e as taxas de aplicação serão alterados, provocando pouca rega ou rega excessiva. Além disso, eles terão uma vida útil mais curta, fazendo com que o seu investimento seja menos lucrativo.

Isto pode causar também uma desigualdade na aplicação dos fertilizantes e outros produtos químicos pelo sistema. Como consequência, o crescimento das culturas será afetado e os rendimentos serão reduzidos.

A pressão correta da água é a chave para alcançar a uniformidade de distribuição ideal

Hoje, os sistemas de irrigação de pivôs mais eficientes utilizam aspersores de baixa pressão e reguladores de pressão, que proporcionam uma grande economia nos custos de energia e água. Os aspersores de baixa pressão, como os Senninger Wobblers ou os borbulhadores LEPA, ajudam a reduzir os custos de energia e a economizar água, reduzindo a incidência do vento, a evaporação e o desperdício. A pressão mais baixa exige menor potência e menor consumo de energia. Pode reduzir também o desgaste nos componentes da máquina e do sistema.

Sprinklers de baixa pressão como Senninger Wobblers ou LEPA bubblers ajudam a reduzir os custos de energia e economizar água, reduzindo a deriva do vento, evaporação e escoamento.</p>

Como Os Reguladores De Pressão Afetam A Taxa De Vazão?

A maioria das pessoas sabe que a pressão afeta a vazão, mas você sabia que basta uma pequena mudança de pressão de ~20% para provocar uma variação de vazão de ~10%? A regulagem da pressão é especialmente importante em sistemas de baixa pressão, onde uma ligeira variação de pressão pode afetar muito a taxa de aplicação. Por exemplo, uma variação de pressão de 0,14 bar (2 psi) em um aspersor projetado para funcionar a 0,69 bar (10 psi) equivale a uma variação de pressão de 20%. Isso altera a vazão em 10%.

Como a pressão impacta o fluxo em um sistema de irrigação

Qual É A Durabilidade Deles?

Embora os reguladores possam durar anos, o grau de regulagem vai mudar ao longo do tempo à medida que as peças internas começarem a sofrer desgastes. Isso significa que os reguladores instalados em sistemas que funcionam por longas horas durante toda a temporada sofrerão desgastes com mais rapidez do que os sistemas que funcionam por menos horas. Alguns especialistas recomendam substituir os reguladores quando eles atingirem 10 mil horas de operação.

Fatores que contribuem para o desgaste:

  • Qualidade ruim da água
  • Produtos químicos não lavados na tubulação
  • Materiais abrasivos na água
  • Longas horas de operação

Quais São Os Principais Sinais De Desgaste?

Pode ser difícil identificar visualmente os reguladores de pressão defeituosos. No entanto, alguns emitem água pelas laterais quando há falhas em suas estruturas. Às vezes, produzem também um som agudo. 

Regulador defeituosos podem gerar pressão de aspersão excessivamente alta. Aspersores que estiverem emitindo spray mais fino ou apresentando velocidade de rotação mais rápida em relação aos aspersores adjacentes pode indicar que o regulador está operando acima de sua classificação nominal. Se operarem abaixo de sua classificação nominal, os aspersores produzirão gotas maiores e velocidade de rotação mais lenta, bem como menor diâmetro imerso.

Durante a temporada de irrigação, os agricultores devem observar o desempenho dos aspersores de forma intermitente. A melhor hora para se fazer isso é cedo ou tarde em dias em que o sol está baixo. É mais fácil identificar as diferenças entre os aspersores nesta luz. Nos pivôs centrais, o número de acres afetados será maior se os reguladores desgastados estiverem localizados nos vãos externos da máquina. 

O fim da temporada pode ser o momento ideal para retirar os reguladores de pressão e verificar se há obstruções que possam causar restrições de vazão ou distorcer o padrão de distribuição do aspersor.

Como Testar Os Reguladores De Pressão?

Os agricultores devem verificar os reguladores de pressão pelo menos uma vez a cada três anos. O teste dos reguladores de pressão é feito com a instalação de um manômetro de alta qualidade em cada lado do regulador. 

O manômetro no lado da entrada garante pressão suficiente para o funcionamento do regulador. Lembre-se de que a pressão de entrada deve estar pelo menos 0,34 bar (5 psi) acima da pressão nominal do regulador para que o regulador funcione. O manômetro no lado da saída (após o regulador) deve corresponder à pressão predefinida impressa no dispositivo, permitindo uma ligeira variação devido à vazão. 

Se o seu fornecedor de produtos de irrigação tiver um dispositivo de testes de regulagem, você poderá também verificar as leituras em outro regulador de pressão que corresponda ao modelo que você estiver testando.

Mais Notícias